RSS

Ele atropela meu dia

26 Jan

Ele atropela meu dia

com imagens de desejo

que não vão e vêm,

que permanecem como

uma estrela, no meu dia.

Ele, que me enreda no seu ser,

que dentro da minha vida está.

Como outro nome,

com outro corpo,

o dele é sempre

o alvo do meu suspiro,

que seus olhos me evocam,

me equivocam os dias

e o coração

da calma de uma vida

sem ele.

A mim que me queima,

aquele, o da quentura.

 

Por que a verdade custa, por vezes, a aceitar… Há sempre o momento de clareza por entre a negritude daquilo que podemos, vir, sentir. Há sempre o sol a brilhar, na noite daquilo que pensamos ser, nas nossas dores.

Advertisements
 
Leave a comment

Posted by on January 26, 2013 in Metade de Mim

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: