RSS

Teus olhos

16 Sep

 

Eu ontem vi o teu brilho

naqueles olhos que me têm cativa.

Vi antes do ontem, outros brilhos

não os mesmos que ontem senti.

Tenho visto o olhar, sempre, constante,

mas poucas vezes como o vi antes do ontem.

Vejo o olhar dado por ti,

a mim falado, consentido por meus afazeres.

Vejo os olhos teus a brilharem pelo sol

falando para mim.

Vejo o tempo iniciado, consumado, inacabado.

Vejo tudo o que me mostras

vendo nada mais do que eu revejo em mim.

Vejo-nos no tempo, nas palavras, nos brilhos

tanto quanto nas lágrimas, nos gritos mudos, nos soluços.

Vejo-nos como nunca nos vi.

Olhei e vi.

Vi e soube.

 

Advertisements
 
Leave a comment

Posted by on September 16, 2013 in Os d'aqueles

 

Tags: , ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: