RSS

sem o teu toque

16 Sep

 

sem o teu toque

o meu sossego consigo imaginar

não querer sentir nem o querer segurar

a verdade do apartar-te de mim

é manter-me inviolável à beleza do mundo

 

sem teu toque

o meu chão consigo ver

sentir as pedras pelas palmilhas

os espaços em branco nas negras fendas marteladas

e não me vejo a olhar o de baixo a mim vivo

 

sem o teu toque

o sentir a emoção a escorrer pela garganta

caindo no limbo da razão

na festa da alegria

é o não quente da palma da tua mão

 

sem o teu toque

o que tenho é o não ter o que tenho

 

Advertisements
 

Tags: , , , , ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: